As contatações e ações de resposta das empresas ao Covid-19

A Robert Walters desenvolveu uma pesquisa com empresas de diversas áreas e setores e abordaram o tema Covid-19 e o futuro do trabalho onde os entrevistados compartilharam suas estratégias de resposta à crise do coronavírus.

Logo no início da crise, muitas empresas conseguiram mover toda sua equipe para o trabalho remoto, mas ainda houveram empresas que tiveram dificuldade de fazer essa mudança logo de imediato.

  • 59% das organizações puderam imediatamente mudar toda a força de trabalho para atuar remotamente
  • 14% das empresas levaram de 1 a 7 dias para estarem aptos ao trabalho remoto
  • 27% das empresas disseram que apenas parte da força de trabalho puderam mudar para um ambiente remoto

Dentre os motivos que impediram as empresas de fazerem essa movimentação para um ambiente remoto de forma imediata, 52% listaram a falta de equipamentos de tecnologia e 10% citaram a falta de infraestrutura e segurança para suportar o trabalho remoto de todos os funcionários de uma única vez.

Quando questionados sobre qual foi a posição que tomaram em resposta ao covid-19 para manter o negócio fluindo, as equipes de RH inovaram e agiram da seguinte forma:

  • 41% das empresas entrevistadas adotaram a antecipação de férias para os funcionários
  • 30% não viram a necessidade de tomar nenhuma atitude em resposta ao vírus
  • 29% fizeram uso de incentivos oferecidos pelo governo para a manutenção de empregos

Um dos pontos mais discutidos entre grandes empresas é a questão da saúde mental e bem-estar dos funcionários. Essa é uma questão que interfere diretamente com a qualidade do trabalho de cada indivíduo e deve ser levada a sério pelos gestores. Na intenção de maximizar os cuidados e garantir o bem-estar dos colaboradores, 72% das empresas ofereceram um horário mais flexível aos seus funcionários e 20% permitiram que os funcionários comprassem equipamentos e móveis de escritório para facilitar o dia-a-dia do trabalho e deixa-los mais confortáveis.

Outro tópico bastante discutido entre as empresas, foi a produtividade de suas equipes.

  • 43% das empresas entrevistadas afirmam que a produtividade de seus funcionários aumentou desde o início do trabalho remoto
  • 39% dizem não ter visto grandes mudanças na produtividade de seus times
  • 18% acreditam que a produtividade caiu devido ao trabalho remoto

O motivo número um relacionado ao aumento da produtividade, é o fato de não precisarem se locomover para chegarem ao escritório e poderem aproveitar esse tempo de outra forma e também por remotamente poderem ter um horário de trabalho mais flexível. Quanto à queda na produtividade, os principais motivos foram a dificuldade de não possuírem uma estrutura de escritório adequada e menos habilidade para focar por conta das distrações de casa.

O trabalho remoto parece fácil, mas os gestores tem uma série de preocupações que precisam ser levadas em consideração durante a gestão remota.

  • 39% das empresas entrevistadas afirmam que têm dificuldade de garantir a capacidade dos gestores de supervisionar seus times remotamente
  • 31% afirmam que os problemas de saúde mental devido ao isolamento e a ansiedade econômica foram pontos desafiadores durante o período de trabalho remoto
  • 30% dizem que a dificuldade maior está na colaboração e comunicação virtual

Por conta dos pontos mencionados acima, as empresas entrevistadas acreditam que seus gestores precisam melhorar em algumas habilidades. Dentre elas, a empatia com o equilíbrio entre vida pessoal e profissional e uma comunicação mais clara com seus times.

Por fim, ao serem questionados sobre quais estratégias estão considerando para o retorno ao escritório, 67% dizem ter começado a planejar o retorno ao escritório com base na situação de saúde de seus colaboradores, considerando que aqueles com situações crônicas possam retornam mais tarde, 22% ofereceram a oportunidade de retornarem voluntariamente e 11% ainda não consideraram uma estratégia de retorno ao trabalho.

Para ter acesso ao infográfico dessa pesquisa, clique aqui.

white-male-on-evening-tablet

Dicas de contratação 

»