Sobrevivendo ao choque do Covid-19 com uma mentalidade construtiva

O mundo continua a viver sob a sombra da incerteza, muitas empresas estão lutando com a desaceleração econômica provocada pela pandemia. Sobreviver tempos de crise não exigirá apenas ajustes críticos no estilo de vida para conter os problemas, mas também um reexame de como abordamos os negócios.

As fórmulas padrões para o sucesso já não fazem mais parte do novo normal. Em vez disso, a chave para sair do ‘choque do Covid-19’ será se adaptar e crescer sem fugir das situações difíceis. Neste artigo, explicamos por que uma mentalidade construtiva é essencial para resistir à esta situação e como sua equipe pode trabalhar em prol dessa mentalidade, mesmo sob acordos de trabalho especiais.

Encontre oportunidade em meio à crise

Muitas empresas estão lutando com o impacto do Covid-19, que não está apenas afetando negativamente o desempenho dos negócios, mas também apresentando novos obstáculos para os trabalhadores remotos que ingressam pela primeira vez. Dadas as circunstâncias, é natural ter um pensamento negativo sobre a situação presente e ter uma visão pessimista para o futuro.

No entanto, alguns veem esse momento como uma oportunidade para superar as dificuldades com ideias flexíveis.

O que distingue aqueles que desistem quando enfrentam dificuldades daqueles que os veem como uma chance de se desafiarem?

A diferença está no tipo de mentalidade que eles possuem. Ou seja, em seu psicológico, a estrutura de pensamento de um indivíduo, hábitos de pensamento e crenças. Profissionais que veem os momentos desafiadores como uma oportunidade, têm uma mentalidade de crescimento que os capacita a se desenvolver, mudar e crescer em qualquer situação.

Se uma organização inteira - não apenas seu líder - tiver essa mentalidade, ela estará bem equipada para sobreviver como uma equipe contra o choque do Covid-19.

Busque inovar sem medo dos riscos

O código mental construtivo é um conceito defendido pela Professora Carol Dwek, professora de psicologia na Universidade de Stanford e pesquisadora líder em motivação. A ideia tem sido amplamente adotada não só no mundo dos negócios, mas também no esporte e nas artes, principalmente no Ocidente.

De acordo com a Dra. Dwek, aqueles com uma mentalidade construtiva acreditam em seu potencial, aprendem, continuam a expandir os limites de suas próprias habilidades e abordam seu trabalho diário de forma positiva. Eles também tentam pensar de forma independente sobre o significado e a missão de seu trabalho. Em vez de se preocupar com o sucesso ou o fracasso ao enfrentar as dificuldades, concentre-se em continuar enfrentando novos desafios para atingir seus objetivos.

Estudos mostram que em organizações onde esse pensamento é difundido, uma cultura de bem-estar, inovação e risco do funcionário está firmemente enraizada. Como resultado, uma mentalidade de crescimento melhora o desempenho individual e organizacional e pode entregar resultados mesmo em situações difíceis.

Não se prenda em um único pensamento

Na extremidade oposta do espectro está a mentalidade fixa. Aqueles com uma mentalidade fixa presumem que as pessoas não mudam e os talentos e habilidades são naturalmente instilados desde o nascimento. Eles também são sensíveis ao que os outros têm a dizer e tendem a se concentrar em realizações anteriores.

Se uma organização tem uma mentalidade amplamente fixa, toda a equipe teme o fracasso e, assim, evitará enfrentar desafios difíceis. Como resultado, o desempenho de toda a organização diminui.

Durante as crises, é muito mais fácil para as pessoas aderirem a uma mentalidade fixa. Mas, para superar as dificuldades, um líder deve se esforçar ativamente para substituir uma mentalidade fixa por uma mentalidade construtiva em sua equipe.

Adote uma mentalidade de crescimento dentro de uma organização no novo normal!

Então, como você pode transformar toda a sua equipe em uma mentalidade de crescimento na situação atual? Resumimos os pontos principais para ajudá-lo a começar.

1. Defina e compartilhe seu mindset

Mudar a mentalidade de uma organização requer ter uma mentalidade claramente definida e direcionada e instilar isso em cada membro. Antes de desenvolver uma mentalidade construtiva em sua equipe, você deve primeiro compreender totalmente que as pessoas são capazes de mudar.

A próxima etapa é transmitir os valores que surgem do pensamento positivo, como “aprender com as falhas”, “opiniões diferentes são bem-vindas” e “investir em si mesmo” para sua equipe. Se for difícil para as pessoas se unirem por causa do trabalho remoto, você pode usar as ferramentas de comunicação digital para compartilhar esses valores.

2. Esteja atento aos seus hábitos de pensamentos e aos de sua equipe

Pode-se dizer que a mentalidade é um hábito de pensamento inconsciente inerente às pessoas e organizações. Se a mentalidade de um indivíduo for tendenciosa, ele formará noções preconcebidas e tomará decisões tendenciosas inconscientemente quando confrontado com algo. Em outras palavras, o primeiro passo para mudar a mentalidade é estar ciente dos hábitos de pensamento inconscientes.

Para a ciência de qualquer pensamento tendencioso existente, peça feedback de pessoas que trabalham perto de você e faça anotações de suas decisões, palavras e ações e revise-as para quaisquer padrões recorrentes. Você pode registrar afirmações fixas e comportamentos negativos sozinho e perguntar regularmente "o que o fez pensar assim?" e "você pode mudar isso?" Ao se encorajar a mudar, você também é capaz de perceber se inconscientemente tem uma mentalidade fixa.

Por outro lado, observe também quando você foi capaz de desafiar a si mesmo e dizer algo sem se preocupar com o fracasso. Quando você consegue ver mudanças positivas, isso dá uma indicação real de uma mudança de mentalidade e serve como motivação para continuar.

3. Evite colocar rótulos nas pessoas

Pesquisas neurocientíficas recentes apontaram que a área do cérebro que controla as emoções humanas tem a tendência de levar o que dizemos aos outros e atribuir isso a nós mesmos. Em outras palavras, quando expressamos características negativas, nosso cérebro começa a acreditar que possuímos essas características.

Ao rotular os membros da equipe como "alguém que pode fazer isso" e "alguém que não pode fazer", você está assumindo uma mentalidade fixa de que as pessoas são incapazes de mudar ou melhorar. Para que uma mentalidade construtiva seja inserida em toda a organização, é importante incentivar continuamente seus funcionários a acreditarem nas pessoas que podem mudar. Ao fazer isso, você ganhará mais confiança de que pode mudar.

4. Selecione ações que se adequem á sua mentalidade de crescimento

Quando nossa mentalidade muda, nossa percepção e julgamento das coisas, bem como nosso comportamento também mudam. Ao mudar as ações, os resultados produzidos mudarão e a maneira como as pessoas veem esses resultados mudará. Ao fazer isso, você naturalmente será capaz de tomar medidas para uma mentalidade mais desejável.

Para criar este ciclo, continue a selecionar ações que estão alinhadas com a mentalidade de crescimento. Acima de tudo, se os líderes puderem desempenhar um papel central neste ciclo, sua influência na organização aumentará.

Mesmo que você esteja em uma situação difícil e sinta relutância, o segredo para sobreviver ao choque do Covid-19 pode ser continuar selecionando ações que incorporem os valores de uma mentalidade construtiva.

Ainda na duvida de contratar um novo colaborador remotamente? Saiba porque você deve investir nesse tipo de contratação.

white-male-on-evening-tablet

Dicas de contratação 

»